pais ajudando os filhos a estudar

Meu filho não quer estudar! 5 maneiras de reverter isso!

Manter crianças e adolescentes motivados nos estudos é de extrema importância para seu aprendizado e, consequentemente, para o seu futuro.

Porém, concorrer com as distrações do mundo de hoje não é tarefa fácil, por isso, muitos pais ficam inseguros e não sabem como ajudar os filhos na hora de incentivá-los a se interessar mais na busca pelo conhecimento. Pensando nisso, separamos algumas práticas que você pode ter para motivar o filho a estudar. Acompanhe!

1. Explicar a importância dos estudos

É muito difícil para os pais, principalmente de adolescentes, conseguirem fazer com que seus filhos enxerguem a importância dos estudos e o impacto que eles terão no seu futuro.

A maioria dessas crianças pensam que estudar é uma tarefa chata imposta pelos pais, por isso, fazer com que elas sintam-se motivadas e interessadas a estudar pode ser bem complicado.

Para ajudá-los nessas horas, é importante que você mostre alguns exemplos práticos dos benefícios adquiridos com os estudos.

Mas, lembre-se de procurar experiências que seus filhos vão entender, não busque histórias que vão muito longe de sua compreensão ou realidade, afinal, o objetivo aqui é que eles entendam que os estudos serão muito gratificantes e recompensadores no futuro e, por isso, essenciais desde agora.

2. Definir pequenas metas

Por muitas vezes, seu filho pode sentir-se desanimado com a quantidade de tarefas ou o número de conteúdo que tem que estudar. Uma prática que você pode ensiná-lo a desenvolver para organizar melhor seus afazeres é a definição de pequenas metas.

Com isso, ele pode realizar e alcançar resultados de maneira gradativa, atingindo seu objetivo, sem deixar nenhuma pendência e sentindo-se motivado, afinal, conseguiu, com sucesso, cumprir todas as suas tarefas.

No início, ajude-o a planejar suas metas. Comece com propostas pequenas, por exemplo, a leitura de um livro em pequenas porções por dia, até completar todas as páginas até o prazo final.

3. Estabelecer esquema de recompensas

Uma outra maneira de motivar seus filhos é estabelecer um esquema de recompensas para as metas alcançadas. Pense que aqui o objetivo não é presenteá-lo, mas sim, reconhecer o esforço que ele teve para cumprir o acordo que vocês estabeleceram lá no planejamento das metas.

Por isso, o ideal é trabalhar com recompensas de descontração, que o alivie por algum tempo dos estudos e da rotina da semana escolar. Pense assim: se ele fez 10 exercícios de ciências hoje, pode gastar 10 minutos a mais no videogame. E, claro, quanto maior o objetivo alcançado, maior deve ser a recompensa.

4. Otimizar o tempo de maneira equilibrada

Além de ajudar a manter o foco e a concentração, criar uma agenda semanal de estudos é essencial para organizar o tempo que seu filho gastará dedicando-se aos aprendizados. É importante que ele participe desse planejamento e concorde com os horários e as regras criadas por você, assim, ele conseguirá comprometer-se melhor com a tarefa.

Tente estabelecer uma agenda baseada na demanda de deveres escolares que seu filho tem, diariamente. Caso precise, separe 5 ou 10 minutos para intervalos. É essencial, também, manter o cronograma e evitar, ao máximo, abrir exceções.

Em dias em que ele não tiver exercícios ou que a carga for menor, incentive-o a aproveitar o tempo para revisar alguma matéria, tirar alguma dúvida ou fazer alguma pesquisa, mas não abra mão desse horário de estudo.

É importante também cumprir com o tempo estabelecido por vocês: não ultrapasse o horário. Isso pode causar distrações e a perda do foco. Mas, lembre-se que em épocas de provas esse planejamento pode se intensificar e o esquema mudará.

5. Mostrar o avanço

A incapacidade de notar o progresso pode levar a desmotivação de muito adulto por aí, imagine, então, em crianças e adolescentes. Por isso, é essencial que você consiga fazer com que seu filho perceba seus resultados — caso contrário, ele perde o propósito e a vontade de continuar fazendo esforços.

Motivar o filho a estudar é grande desafio para os pais, mas não é uma tarefa impossível. Seguindo as nossas dicas, você conseguirá dar um grande salto na aprendizagem do seu filho, além disso, perceberá sua evolução nos estudos e, consequentemente, nas notas finais.

Agora que você já conhece as nossas dicas não deixe de curtir a nossa página no Facebook e ficar por dentro do nosso conteúdo.

Sem comentários

Cancelar